Um grande time só se faz com um grande rival


Estive em Porto Alegre para o casamento de um amigo nesse final de semana. Impressionante como a cidade e o Estado respiram rivalidade. Rivalidade que vem desde os imemoriais de Chimangos e Maragatos, imortalizados em O Tempo e o Vento, de Erico Verissimo. Mais recentemente, Chimangos e Maragatos se converteram em petistas e outros partidos (PMDB, PPS, PDT) ou vice-versa — já nem sei quem herdou o quê de quem. E atualmente, com a débacle petista no quesito ética (ainda que Lula e Dilma venham fortes por aí), o que resta é a polarização do futebol, do Grenal.

Grêmio e Inter estão por todo o lado, em bonés, chaveiros, adesivos (como há adesivos nos carros dos gaúchos) e, claro, camisetas. Por todo o lado, em toda a cidade. E calhou que esse meu amigo, o Luiz “Teta” Felipe, resolveu casar no dia do centenário do Inter. Não foi por acaso. Foi proposital mesmo. Ainda que o gremista mais doente que eu conheço, o César “Cecé” Krebs estivesse indignado com os conselheiros gremistas, da família da noiva, que haviam permitido aquele disparate.

E lá estava eu, inocente, na entrada da festa, quando adentram os noivos. O Teta portando uma flamejante bandeira vermelha. Empunhando com todo o orgulho. E ao passar por mim, esfregando na minha cara, com toda a empáfia.

De raiva, para me vingar, estava esperançoso que o Grêmio estragaria a festa do centenário ganhando o Grenal  no Beira-Rio no dia seguinte. Mas não rolou. (Pelo menos serviu para derrubar o técnico tricolor, que já estava incomodando à beça.)

E em meio a toda rivalidade, o Grêmio publicou o anúncio abaixo no jornal Zero Hora.

Anuncio-gremio-centenario-vermelho

anuncio-gremio-centenario-vermelho-2Achei bacana. Acolhedor. Reconhecedor da beleza do adversário. Lembro do Senna na Fórmula 1, cujo brilho sempre era exaltado pela habilidade e genialidade de Alain Prost. Privilégio que Schumacher nunca teve, pois foi um campeão sem rival à altura. Ao contrário de Grêmio e Inter. Na eterna gangorra, quando um está por cima, o outro está por baixo.

E de nada adianta colorados engraçadinhos falarem em freguesia, pois o Gremio é bicampeão da America e tem mais pontos nos rankings de futebol.

A rivalidade continua…

5 Comentários

Arquivado em Futebol, Grêmio

5 Respostas para “Um grande time só se faz com um grande rival

  1. Bruno

    Ótimo texto. Bem completo. Política, literatura, esportes, amizades. Rivalidade sempre presente. É boa enquanto permanece em um nível saudável.
    Muito boa a leitura.

  2. Muito bom, Digão. Valeu pelo fair play demostrado.

  3. Carapa

    Digo, apesar de ser “o gremistas mais doente” que tu conheces, eu também tenho a grandeza de reconhecer que “um grande time só se faz com um grande rival.”

    Mas me aponta um colorado que tu conheces que teria essa sinceridade. Não existe! E há uma explicação para isso. Eles nasceram da nossa rejeição. Tá impregnado na alma, no sangue, na memória deles. Por isso nos imitam (vide Geral e Popular ‘Geral Cover’).

    Reconhecer a grandeza do Inter não nos abala pois não diminui o Grêmio em nem 1cm. Para eles se sentirem “grandes”, precisam nos diminuir (ex. Copa Toyota). O que eu mais ouvi no centenário foi “100 anos de 1ªdivisão.” Meu Deus! Os caras ganharam um Mundial e ainda se apegam a isso!!! É caso para a psicanálise! O Grêmio continua (e continuará) sendo a inspiração deles, apenar de não admitirem.

    Por isso eu afirmo: a torcida do Grêmio tem a superioridade no DNA, na sua origem, e ela faz a diferença entre os clubes. Tu demonstraste isso nas tuas palavras.

    Sobre o tema, uma sugestão de leitura:

    http://www.ducker.com.br/Centenario_colorido_E&F%20Bueno.htm

  4. Adorei este texto, juro que me emocionei!!! E olha que sou corintiana!!!

  5. Omar

    Rodrigo,
    Estive em dezembro em POA, e pude constatar essa bonita rivalidade. Santista que sou, de todas que conheço (e participo!), tenho certeza de que a mais envolvente e, até inclusiva, é o Gre-Nal. É contagiante!
    PS: Minha namorada, gremista, pertence a uma família de colorados, com direito até tio pertencente ao Consul do Inter!
    É isso ai!!
    Abraço,
    Omar

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s