Por que devemos falar de valores?


Quais são os valores aceitos na sociedade hoje? O mundo era muito melhor falando na questão de valores 1 000 anos atrás? Quais eram os valores importantes?

Li um ótimo texto de Luiz Felipe Pondé e refleti sobre isso. Principalmente sobre alguns pontos que emergiram no Twitter a partir desse texto.  Os argumentos eram que não se poderia definir o que eram bons ou maus valores. E que não existe uma crise de valores porque sempre houve a crise de valores. Interessante esse ponto. De fato, a sociedade evoluiu gradualmente. A própria concepção de teorias como a do Contrato Social, de Thomas Hobbes e evoluções que surgiram depois são um exemplo disso. “O homem é o lobo do homem”, escreveu John Locke.  Falei há pouco sobre isso nesse espaço e volto a falar. No mundo animal não existem valores. Simplesmente porque nenhum animal é capaz de pensar sobre isso. É cada um por si. Evolução do mais forte. Darwin… O conceito de valores, certo e errado, só é possível com a organização em sociedade por parte dos humanos. A religião ajudou a moldar isso e com o tempo. Depois, o também avançou nesse terreno, arbitrando por meio da justiça o que é certo e errado. Esse equilíbrio de forças não é novo e vai existir por muito tempo. Assim como as crises de valores…

A novidade é a emergência do poder do indivíduo, possibilitada pela disseminação de tecnologias de comunicação, cujo ápice é, hoje, a internet. Ou a Web 2.0. A sociedade, como nunca antes, tem condições de se manifestar para dizer o que é certo ou errado. O que é um valor aceitável ou não é. Não precisa mais da tutela constante e sufocante da religião ou do Estado. Foi o que aconteceu na repercussão sobre as eleições no Irã, recentemente, onde a sociedade gente denunciou as fraudes nas eleições via uma tecnologia móvel, o Irã. Fraudar eleições não está certo. Quem acha que é certo, tenta coibir o poder de expressão de quem acha que não é… Esse é, sim, um problema de valores.

É claro que ninguém vai a público defender valores questionáveis, mas é saudável questionar a falta de valores. Alguém certa vez disse, falando sobre o mundo empresarial, que custos são que nem unhas. Por mais que se corte, eles sempre crescem. A discussão moral, sobre valores, que se impõe na sociedade, é mais ou menos isso. Há que se discutir sempre, para balizar o que é importante, aceitável e razoável para se viver em sociedade.

Quando alguma discussão emerge, é porque um limite está sendo ultrapassado. Foi o que aconteceu com a repercussão do anúncio que a DM9 fez para a WWF e veiculou sem autorização do cliente. A repercussão da grande maioria (sempre há quem incentive a contracorrente para polemizar ou mesmo para ver o circo pegar foto) foi negativa. Quem se manifestou achou de mau gosto comparar o poder da natureza com ataques de dezenas de aviões a Nova York (link). Para que serve isso?

Para um publicitário não atacar valores considerados importantes pelas pessoas, no primeiro momento. Ou para a sociedade manter um padrão de comportamento que seja mais aceitável para a maioria. Em outras palavras, é a auto-regulação comportamental via sabedoria das multidões, para citar um conceito que está em discussão hoje. Não por acaso.

Por que devemos falar de valores?

2 Comentários

Arquivado em Colaboração, Mundo 2.0, Nova Sociedade, Questões

2 Respostas para “Por que devemos falar de valores?

  1. jenyffer

    eu gostaria de intender a diferençaa de valores questionaveis e nao questionaveis …
    mao conceguii diferenciar ainda.

    obrigada!

  2. Jennyfer, agradeço a pergunta. Valores questionáveis são aqueles que não são comuns a toda sociedade. Os valores da máfia, por exemplo, de defender as famílias a qualquer custo. Os valores que um pai passa para o filho ao ensiná-lo usar arma com três anos de idade, como vimos no YouTube recentemente.
    Valores não questionáveis são o amor, o altruísmo, a ética. Ninguém vem a público dizer que é contra isso, pois são questões relevantes e importantes para todas as pessoas.
    Achei aqui nesse blog um pouco mais de informação sobre isso: http://explicadinho.blogspot.com/2008/03/os-valores-universais.html
    Abs
    Rodrigo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s