Dá para viver no limite? Isso é bom?


Será que estamos ultrapassando demais os limites?

Ontem participei de um debate incrível no OnWeek mediado pelo mestre Ricardo Guimarães (@ricardo_thymus) e acompanhado por Denise Hills (Itaú) e Angélica Blanco (Managemente & Excellence).

A conversa era sobre sustentabilidade e dinheiro, mas o Ricardo soube nos conduzir para discutir algo muito maior, sobre limites, nossa relação com o planeta, o tamanho da consciência dos empresários e empreendedores, biomimética. Enfim, foi um grande papo. Brinquei ao final que só faltou a cerveja, de tão descontraído e divertido que foi.

Era tarde, pouca gente ficou até o fim do evento para pegar o debate que começou às 20h. Mas quem ficou lá, deu contribuições incríveis, como o Bob Wolheim (@bobwolheim), idealizador do evento, e Luiz Algarra (@lalgarra), da Papagallis. Algarra contou do seu vizinho Afrânio, que não se importa com os limites e é feliz mesmo assim.

O resumo da conversa foi: “Pode ser bom viver dentro dos limites”.

A humanidade não respeita limites, em geral, por que sempre pode superá-los. O chip cada vez menor e cada vez com mais informações. O smartphone com cada vez mais tecnologia. A banda larga cada vez mais rápida. O carro cada vez mais barato e mais fácil de comprar. A passagem de avião cada vez mais acessível. Parece que não limites. Mas onde isso tudo vai acabar?

E qual o papel das empresas nisto tudo? Certo momento, Ricardo perguntou: “Ok, mas qual o bom exemplo de empresa que faz isso, reconhece limites e olha para isso e para a sustentabilidade como algo positivo?” Não resisti e falei da Patagonia (veja mais aqui). Yvon Chouinard, o empreendedor, criou um negócio em que não está muito preocupado em crescer, crescer, crescer. Ele tem seu público definido, pessoas que não se importam em pagar a mais por determinados produtos, sabendo que vão encontrar qualidade e design. No caso dele, crescer talvez seja abrir mão disso. Mas ele não quer abrir mão dos valores. E a empresa é um sucesso. Não porque é grande. Mas porque tem seu tamanho certo. Reconhece seus limites e acha bom viver dentro deles.

Ou seja, limite pode ser bom. Agora, vai contar isso pro filho pequeno!

Segue abaixo alguns tweets com o melhor da discussão por quem estava acompanhando.

@ItsDigital

Pq fazemos o q fazemos? RT @BobWollheim Temos um vazio, nos falta SIGNIFICADO. Por isso queremos + @ricardo_thymus #onweek

@pvcampos10

#onweek O significado é a finalidade da vida, mas é preciso mudar de percepção de “ser o melhor do mundo” para ” ser o melhor para o mundo”

@BobWollheim

Vc não é consumidor, mas usuário. Fica mais sustentável! @ricardo_thymus #onweek

@LucasCSantos

#OnWeek Sustentabilidade não precisa ser limite, pode ser só otimização, bom-senso…

@LucasCSantos

#OnWeek @ricardo_thymus O significado traz felicidade…

@BobWollheim

Temos um vazio, nos falta SIGNIFICADO. Por isso queremos + @ricardo_thymus #onweek

@pvcampos10

RT @BobWollheim: Prefiro estar certo do que ser coerente @ricardo_thymus #onweek // e qdo se fala em sustentabilidade como fica a coerência?

@BobWollheim

Sustentabilidade é uma utopia – @rodrigocvc – #onweek

@BobWollheim

A gente não é coerente em quase nada. Denise/Itau – #onweek

@luisguggen

Case da marca Patagonia como uma boa referência sobre negócios x sustentabilidade #onweek

@BobWollheim

Sensualizar a sustentabilidade! @ricardo_thymus – #onweek

@BobWollheim

Insight: o limite fica bom quando é escolha! Denise/Itau – #onweek

@la_perroni

Estamos prontos pra ver ética como inspiração? #onweek

about 15 hours ago via web

@BobWollheim

A gente tá pronto ou temos empresários excessivamente jovens? @ricardo_thymus – #onweek

about 15 hours ago via Twitter for iPad

@LucasCSantos

#OnWeek @ricardo_thymus sendo o melhor mediador de debates q já vi. Tem q cutucar e questionar o participante! =)

@smwsaopaulo

RT @BobWollheim Todo mundo diz q sustentabilidade é fundamental. Mas qdo a gente traz o tema, o povo não vem. INCOERENCIA ou o QUÊ? #onweek

about 15 hours ago via HootSuite

@BobWollheim

Quando coloca limite pro seu filho isso é bom ou ruim? R Guimarães – #onweek

about 15 hours ago via Twitter for iPad

@la_perroni

“Quer coisa pior que tomar banho rápido?” Ricardo/Thymus – #onweek

about 15 hours ago via web

@resultson

“tem que entender que sustentabilidade não é só falar de meio ambiente, mas de questões que permeiam a nossa vida como um todo” #onweek

about 15 hours ago via web

4 Retweets

@BobWollheim

Decrescimento é algo que se começa a pensar e discutir @rodrigocvc – #onweek

about 15 hours ago via Twitter for iPad

@BobWollheim

Temos que fazer as pazes entre LIMITE e LUCRO. Ricardo Guimaraes – #onweek

about 15 hours ago via Twitter for iPad

1 Retweet

camacedo1

Na natureza não existe desperdício, quem inventou isso foi o homem! #onweek

Deixe um comentário

Arquivado em Comunicação, Felicidade, Inspiração, Interdependência, Mundo 2.0, Nova Sociedade, Questões, Sustentabilidade

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s