Arquivo do mês: fevereiro 2012

Passamos dos limites

Parece que estamos tratando a terra com o amadorismo de um clipart. O planeta não vai esticar...

Está aqui um tema que não vou cansar de escrever sobre neste blog. Parece que vai demorar muito tempo para que a humanidade tenha a noção épica de que estamos vivendo numa era limite. Limite para nós do ponto de vista viável enquanto espécie com 7 bilhões de unidades. E além do limite do ponto de vista de uso dos recursos físicos do planeta.

Recentemente, o Valor publicou um artigo muito relevante do economista André Lara Resende. É especialmente importante ver um economista do calibre dele reconhecer que não havia prestado atenção ao tema da economia-maior-do-que-o-planeta antes. E é muito bom vê-lo reconhecer isto. Na minha visão, este é o caminho pelo qual muitos economistas ainda vão passar. Mesmo que pelo sofrimento. Quem estuda este tema, acredita que a humanidade passará por um processo custoso de adaptação a um planeta sob ataque. Somos  mesmo muito arrogantes. E vamos pagar caro por isso.

Vejam o trecho abaixo e leiam o artigo completo aqui.

“Gilding argumenta que passamos do limite físico do planeta. As evidências são hoje um consenso na comunidade científica. Apesar da vida de ativista, Gilding é a antítese do radical rancoroso. Seu livro faz a melhor exposição organizada, inteligente e ponderada, da evolução das pesquisas, da consciência ecológica e do estágio a que chegamos. Qualidades que em nada aliviam o impacto depressivo do tema. Gilding é, contudo, surpreendentemente otimista na capacidade de adaptação e de superação da humanidade. Não antes de enfrentar uma crise sem precedentes.”

*E para os céticos de plantão, aqui vai um app para iPhone chamado Just Science. É só um apanhado de dados que fala de aquecimento global. Só ciência.

App Just Science na Apple Store

 

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Educação, Interdependência, Sustentabilidade